» » TELEXFREE: "Devolução do dinheiro é inviável"


A Ympactus Comercial Ltda - Telexfree não está disposta a ressarcir seus divulgadores. O Ministério Público Estadual do Acre (MPE/AC) ingressou com uma ação civil pública para que a empresa devolva o dinheiro investido por pessoas que pagaram para entrar no sistema. Em um ano, a Telexfree atraiu mais de 40 mil pessoas no Estado. No município de Boa Saúde mais de 50 pessoas se tornaram divulgadores da Telexfree.
Em um dos recursos interpostos, a defesa da Telexfree alega que seria inviável “a devolução de qualquer valor, posto que todos os Divulgadores, sem exceção, receberam os VOIPs adquiridos nas condições contratuais e poderiam revendê-los a terceiros, ou ainda utilizá-los”.
A Telexfree argumenta ainda que, como os VOIPs pertencem ao patrimônio da empresa e foram entregues aos divulgadores, a devolução do dinheiro, sem a entrega da mercadoria, configuraria ‘enriquecimento ilícito’ das pessoas cadastradas.
O setor jurídico da empresa também não admite o ressarcimento dos valores das comissões recebidas o que a pessoa ganha por conseguir novas adesões.
A Telexfree está com as atividades suspensas desde o mês passado por decisão da justiça que acatou a denúncia do MPE/AC de que a empresa pratica o golpe da pirâmide financeira.

Fonte: AC24horas

Postado por FM Boa Saúde

FM Boa Saúde a rádio que deixa você bem informado.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta